Buscar

Da arquitetura às salas: Os detalhes que surpreendem

Uma ponte, um pequeno canal, grandes janelas, uma bicicleta e salas diferentes umas das outras, isso é um pouco do que você já viu aqui no Frederica’s Koffiehuis, mas você sabe como tudo isso foi idealizado e inserido em nosso prédio?



O nosso atual prédio foi inaugurado em 2014 e tem capacidade de atendimento de 200 pessoas.


Aqueles que visitam pela primeira vez ficam curiosos e surpresos com o desenho do prédio, um tanto diferente de outras confeitarias.


Sim, e esse prédio diferente é assim porque nos inspiramos nas casas de Giethoorn, uma pequena cidade da Holanda.


Conhecida como a Veneza dos Países Baixos, ou da Holanda, Giethoorn não tem ruas, isso mesmo, para você chegar as casas é preciso pegar um barco e passar por uma ponte. Pegou a referência por aqui?



E lá as casas se assemelham ao nosso prédio em um estilo holandês clássico.


E por que Giethoorn e não Amsterdam, com seus prédios coloridos, ou mesmo a arquitetura clássica e inconfundível de Haia?



A escolha foi da Frederica que em uma viagem à cidade se encantou.


Por dentro: Cada sala, uma história

Vamos começar pela Elizabeth.

Esse espaço é uma homenagem à irmã de Frederica que a ajudou a decorar o atual prédio.

Nele é possível encontrar itens que relembram a história da família e se tornaram objetos, como a mesa de costura adaptada para uma mesa de café, o cantinho da lareira trazendo o conforto das casas holandesas, entre outros.



Do outro lado, está a sala Bay Window que traz as grandes janelas holandesas ao Frederica’s Koffiehuis.


Caracterizada por se projetar para fora do edifício, essa janela, geralmente, fica no térreo das casas.

Curiosidade: Dizem que na Holanda, muitas pessoas que estão na rua podem até assistir televisão pela Bay Window.


Essas janelas são da Arquitetura Vitoriana e ganharam popularidade nos anos de 1870, sendo usadas para aumentar a entrada da luz natural no edifício.


São bastante famosas na Holanda.



Ao lado está a Sala Café das 10h, uma inspiração a um hábito antigo dos holandeses: Tomar café neste horário com a família.


E sim, isso ainda acontece no Frederica’s Koffiehuis com a família se sentando todo dia de atendimento para conversar sobre o dia a dia, debater alguns assuntos da empresa e claro, tomar um bom café.



No segundo piso nós temos o Mezanino com o Canto Alemão e os confortáveis Booths.


E esse local é mais intimista, ideal para encontros românticos e também leitura.


Além disso, possui características exclusivas, como luminárias feitas de papel de café além de uma varanda onde é possível observar o belo pôr do sol de Carambeí.



Para finalizar, a área externa.


Ótima para aqueles que amam um café em um ambiente aberto e alegre, pois junto do local está o Espaço Pet e não tem como você evitar as risadas proporcionadas pelos doguinhos brincando ao ar livre.



Ali, mesas e cadeiras são cobertas por guarda-sol e dividem espaço com flores, folhagens e um pequeno canal.